Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Amigos dos Animais

Este blog tem o intuito de ajudar nossos leitores a entender melhor os seus animais.

Amigos dos Animais

Este blog tem o intuito de ajudar nossos leitores a entender melhor os seus animais.

Tartarugas “divorciam-se” depois de 115 anos juntas

Foi na Áustria, que chegou um relato de um “divórcio” muito surpreendente. Porque aconteceu 115 anos depois e porque envolve um casal de… tartarugas.

O episódio ocorreu no Reptilienzoo e tem como protagonistas Bibi e Poldi, duas tartarugas com 300 quilos cada, que nasceram em 1897 e se tornaram um casal pouco depois.

Tartarugas “divorciam-se” depois de 115 anos

Só que, após mais de um século, o romance chegou ao fim. E a relação não acabou bem. Sem aviso prévio, Bibi, a fêmea, virou-se contra Poldi, o macho.

Ele ainda tentou recolher-se na carapaça, mas nem isso estancou a ira de Bibi, que mordeu a carapaça de Poldi, ferindo o parceiro de uma vida.

 

Os biólogos tentaram reverter a situação, mas, aparentemente, não há volta a dar.

De cada vez que voltam a juntá-los, Bibi reincide no comportamento agressivo. Para espanto dos biólogos, que não conseguem entender semelhante desfecho. “Se tivesse que adivinhar, diria que ele se tinha metido com outra tartaruga fêmea, mas não há mais nenhuma.

 

Chip em gatos vai ser obrigatório

Em 2021, todos os gatos terão que ter um chip de identificação, como o que já é aplicado em cães. Daqui a dois anos, os donos de gatos sem registo sujeitam-se a coimas.

chip em gatos

A proposta de legislação quer travar o abandono de animais e aumentar a segurança e saúde pública. O decreto-lei, escrito pelo Ministério da Agricultura, dá dois anos aos donos dos gatos  para que implantem um "chip" de identificação. O prazo acaba em 2021.

 

De acordo com o "Público", os felinos nascidos a partir da entrada em vigor da legislação terão de ser identificados nos três meses seguintes.

A regra aplica-se a particulares, a lojas de animais, canis, criadores ou associações.

Quanto a cães, vai acabar a isenção que hoje vigora para os nascidos antes de julho de 2008. Até ao verão do próximo ano, todos terão de estar identificados.

 

O chip só pode ser aplicado por um veterinário e pode custar mais de 30 euros.

Não está previsto qualquer apoio para quem não tem capacidade financeira, mas há municípios com acordo assinado com a Ordem dos Veterinários.

 

Visita ao Zoo da Maia

Hoje dia 16 de Maio, como prenda de aniversário foi oferecido uma visita ao Zoo da Maia.

Fiquei com uma recordação muito bonita, além de ter passado uma manhã agradável.

Tirei imensas fotos, mas vou mostrar algumas, foi uma prenda original para quem gosta de animais como eu. Adorei o urso, o tigre, tudo mesmo. Partilho aqui minha alegria.

zoo da Maia

Só não gostei de um macaco que lá estava, tinha um ar tão triste, até fiz um video.

Só foi pena não ter a pantera negra, faleceu há uns anos de velhice.

No fim da visita ainda dentro do zoo perto da saída encontrei dois gatinhos e tinha alguns comedouros que os funcionários colocavam comida, mas estava vazio.

E coloquei mais ração que trago sempre na mala.

Leão fêmea

Tigre branco

Urso pardo

Chita

Lemures

Tartaruga focinho de porco

Macaco

Pavão

Papagaio africano

cobra

Babuino e porco espinho

Lagarto

 

Sozinho em casa sem ladrar

Os cães devem aprender e habituar-se a ficarem sozinhos em casa sem ladrar.

sozinho em casa sem ladrar


A ansiedade da separação pode ser reduzida com alguns truques simples:

- Comece por ausentar-se por períodos curtos, para ele se ir habituando


- É natural que ele se aperceba antes que vai ficar sozinho. Se ele começar a ladrar seja firme e diga “não”


- Se for possível, dê passeios mais longos antes do período em que o cão vai ficar sozinho


- Quando sair de casa, se o ouvir ladrar, não volte para trás


- Deixe a rádio ou a televisão ligada quando sair


- Dê-lhe o brinquedo favorito para ele ficar entretido