Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Amigos dos Animais

Este blog tem o intuito de ajudar nossos leitores a entender melhor os seus animais.

Amigos dos Animais

Este blog tem o intuito de ajudar nossos leitores a entender melhor os seus animais.

Parasitas externos em cães e gatos no inverno

Com as baixas temperaturas, a existência de parasitas externos, como pulgas, ácaros, carrapatos ou piolhos é menor do que nos meses de calor e humidade.


No entanto não devemos descuidar da proteção do nosso animal de estimação, devemos estar alerta no combate aos parasitas externos.


pulgas-em-animais-solux.jpg


 


Os parasitas externos vivem na superfície do corpo dos cães, instalam-se nas diferentes camadas da pele. Os que mais afetam a este tipo de animais são os ácaros, as pulgas, os carrapatos, os piolhos e alguns tipos de moscas.


 


Estas diferentes espécies de parasitas externos podem prevenir-se com o uso de um bom antiparasitário. Se o teu cão tiver uma infecção com algum destes parasitas, deves levá-lo ao veterinário para que o examine e passe o tratamento mais adequado em função do parasita e da doença provocada.


 


Se já conheces os parasitas externos que há no ambiente e que podem afetar o teu animal de estimação, será mais fácil detectar a sua aparição e, por tanto, colocar o remédio adequado o antes possível. Os parasitas externos nos cães afetam de diferentes maneiras: desde um sutil desconforto e uma comichão constante até graves doenças que prejudiquem a saúde e o bem-estar do animal.


 


Existem 3 formas eficazes para proteger o teu animal de estimação contra os parasitas externos no inverno:


- Coleiras antiparasitárias. São muito confortáveis e fáceis de colocar. A sua eficácia dura entre 4 e 8 meses, e protegem contra carrapatos e pulgas.



- Comprimidos orais. Administram-se por via oral e a sua proteção contra carrapatos e pulgas é eficaz entre um e três meses.



- Pipetas antiparasitárias. Com uma aplicação sobre a pele do cão, manter-se-á a salvo de picadas de pulgas e carrapatos durante um mês aproximadamente.