Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Amigos dos Animais

Este blog tem o intuito de ajudar nossos leitores a entender melhor os seus animais.

Amigos dos Animais

Este blog tem o intuito de ajudar nossos leitores a entender melhor os seus animais.

O Gattuso e os abraços

O Gattuso gosta muito de abraçar o Pepe, é um gato pretinho muito carinhoso tanto com os donos como o amigo Pepe. São muito amigos um do outro mas na hora de comer o Pepe é resmungão. Mas de uma maneira geral dão-se bem.

Dá-me um abraço

 

A vida de um gato esterilizado

gato esterilizado

Um gato esterilizado sofre uma série de alterações metabólicas:

- mais apetite
- risco de obesidade
- maior risco de doenças urinárias

 

A alimentação adequada deve ter mais proteínas, do que gordura, para que o gato receba mais nutrientes e menos calorias. A dieta deve saciar a fome mesmo que tenha menos calorias. Alimentos com mais fibra são ideais.

 

O alimento para os gatos deve estar sempre disponível. Devemos é encontrar estratégias que dificultem a ingestão. Pode, por exemplo, usar:

- comedouros interativos
- brinquedos que libertam biscoitos

 

Porque muitos gatos gostam de ir petiscando ao longo do dia, pode deixar a comida à disposição, desde que respeite a quantidade diária recomendada. Fazer exercício também contribui para evitar a obesidade.

 

Se ele não tem outros gatos para brincar, estimule a brincadeira e as corridas, com os seus brinquedos favoritos. Pode esconder alguns alimentos, de forma a obrigá-lo a manter-se ativo e a ter que “trabalhar” pela comida.

O cão comeu a comida do gato. E agora?

A alimentação dos gatos é diferente e contém mais gordura. Consequentemente, tem mais calorias e também mais proteínas.

O cão comeu a comida do gato

Se o cão se alimentar regularmente com ração de gato, para além da obesidade a longo prazo, pode ter desequilíbrios de vitaminas e minerais.

Se o cão se alimentar uma só vez não trará grandes consequências. No entanto, existem algumas formas de evitar esta situação:

 

- Escolha espaços distintos para eles se alimentarem
- Crie uma dieta distinta para cada pet
- Coloque a comida dos gatos num espaço alto para inibir o acesso aos cães

 

Dar-se como cão e gato – verdade ou mito?

Um mito, sem dúvida!

Costuma dizer-se que são ‘como cão e gato’ quando duas pessoas não se dão bem.

Dar-se como cão e gato – verdade ou mito?

Mas a verdade é que entre cães e gatos, se forem apresentados corretamente, a amizade é perfeitamente permissível. Em alguns casos chega a ser até fácil, sobretudo quando se conhecem ainda jovens.

 

Os gatos são, por natureza, brincalhões e desconfiados. Por outro lado, os cães podem ser mais agressivos. Estes comportamentos podem dar azo a reações menos agradáveis num primeiro encontro, que não esteja sob supervisão. A observação das regras fundamentais na apresentação é essencial para evitar estes comportamentos e terem um convívio fácil.