Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Amigos dos Animais

Este blog tem o intuito de ajudar os nossos leitores a entender melhor os seus animais.

Amigos dos Animais

Este blog tem o intuito de ajudar os nossos leitores a entender melhor os seus animais.

Tartarugas “divorciam-se” depois de 115 anos juntas

Foi na Áustria, que chegou um relato de um “divórcio” muito surpreendente. Porque aconteceu 115 anos depois e porque envolve um casal de… tartarugas.
O episódio ocorreu no Reptilienzoo e tem como protagonistas Bibi e Poldi, duas tartarugas com 300 quilos cada, que nasceram em 1897 e se tornaram um casal pouco depois.


Só que, após mais de um século, o romance chegou ao fim. E a relação não acabou bem. Sem aviso prévio, Bibi, a fêmea, virou-se contra Poldi, o macho.
Ele ainda tentou recolher-se na carapaça, mas nem isso estancou a ira de Bibi, que mordeu a carapaça de Poldi, ferindo o parceiro de uma vida.

Os biólogos tentaram reverter a situação, mas, aparentemente, não há volta a dar.
De cada vez que voltam a juntá-los, Bibi reincide no comportamento agressivo. Para espanto dos biólogos, que não conseguem entender semelhante desfecho. “Se tivesse que adivinhar, diria que ele se tinha metido com outra tartaruga fêmea, mas não há mais nenhuma.